top of page

Projeta seus equipamentos eletrônicos


Vamos ser claros: o crédito mais fácil e, até certo ponto, abundante dos últimos anos permitiu a praticamente todos os brasileiros um acesso muito mais fácil àqueles equipamentos eletrônicos tão sonhados. TVs de última geração, home-theaters, computadores, geladeiras, fritadeiras, fornos elétricos e diversos outros equipamentos foram adquiridos e instalados nas residências. Mas aí uma pergunta fica no ar: e a instalação elétrica da sua casa, está preparada para receber todos estes equipamentos? Ela aguenta toda essa novidade?


Na absoluta maioria dos casos a resposta deve ser "não está" ou, pelo menos, "não sei se está”. Essa é uma prática do brasileiro comum: não verificar periodicamente a sua instalação elétrica.


Quer saber como proteger melhor os seus equipamentos eletrônicos, aqueles que você adquiriu com tanto suor de trabalho? Então, presta atenção!


Se você ainda não foi vítima, certamente conhece alguém que já foi: durante tempestades com raios, ou mesmo depois de uma interrupção de energia elétrica, algum equipamento elétrico foi danificado ou passou a ter mal funcionamento. Nestes casos, o provável é que pode ter ocorrido uma alteração na energia conhecida como surto de tensão, que é o aumento significativo da tensão (voltagem) em um curto espaço de tempo. A descarga atmosférica, mais conhecido como raio, pode causar esse surto, mesmo se ele ocorrer longe da sua instalação (ele “chega" até sua casa pela rede da sua distribuidora de energia elétrica).


Como você pode se proteger? Utilizando um dispositivo, fácil de encontrar no mercado, conhecido como DPS – dispositivo de proteção contra surtos de tensão – que desvia esse surto para a terra quando ele ocorre e não permite que chegue a sua instalação, consequentemente preservando seus equipamentos. A instalação desse dispositivo requer conhecimento aprofundado, portanto só pode ser realizado por um profissional habilitado. Mas o benefício de não ter um equipamento caro queimado é enorme, né?


A instalação desse dispositivo de proteção contra surto em uma instalação elétrica predial é obrigatória desde abril de 2005, quando foi publicada a norma técnica NBR5410/2004, que rege as instalações elétricas de baixa tensão (ou seja, instalações elétricas prediais). Se sua instalação é posterior a esta data, contacte um profissional pra verificar se o DPS está instalado e se está mesmo protegendo sua instalação; já se a sua instalação é anterior a esta data, não perca tempo e contrate já um projeto de instalação deste dispositivo!


A campanha “Choque Elétrico Mata!” é uma realização do Sincomaco e da Abracopel (Associação Brasileira de Conscientização para os Perigos da Eletricidade), patrocinada por Sil Fios e Cabos Elétricos, Grupo Enel spa, Vila Velha Corretora de Seguros, PJ Neblina Materiais Elétricos e King Ouro, e apoiada pela Cobrecom Fios e cabos, pelo Sindicel (Sindicato da Indústria de Condutores Elétricos, Trefilação e Laminação de Metais Não Ferrosos do Estado de São Paulo), Associação Comercial do Estado de São Paulo e ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas).


13 visualizações

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page